fbpx

O verão chegou e essa época do ano pede atenção dobrada para algumas condições de saúde sazonais. Durante esse período, ocorre maior exposição ao calor excessivo e aos raios solares. Além disso, a estação atrai mais pessoas para ambientes úmidos, como praias, clubes e cachoeiras.

Alguns sintomas aparecem com mais frequência durante esse período, como diarreia, dor de cabeça, dor no corpo, vômito e mal estar geral. O verão pode favorecer o desenvolvimento de conjuntivite e otite, infecções de pele diversas, desidratação, micoses, insolação e intoxicação alimentar. Não podemos esquecer que essa estação também traz o aumento de casos de Dengue, Chikungunya e Zika.

A fim de minimizar os impactos, a dica é ingerir cerca de dois litros de água por dia, tomar banho em temperatura ambiente e usar roupas leves. Mas atenção! Se você possui doenças em tratamento ou faz uso de medicamentos, deve discutir sobre a ingestão diária de líquidos com o farmacêutico ou médico.

O cuidado com os alimentos também deve ser intensificado, visto que as temperaturas mais elevadas podem favorecer a proliferação de microorganismos e causar intoxicações alimentares. Armazene alimentos na geladeira de forma adequada, lave bem frutas e verduras e evite ingerir alimentos com qualidade duvidosa.

Outras medidas adequadas incluem a lavagem das mãos com maior frequência, com atenção especial após o uso de sanitários. Lave-se bem após piscina ou praia, use protetor solar e evite exposição excessiva ao sol, em especial nos horários mais quentes (entre 10 e 16 horas). Use repelente em locais com insetos e elimine qualquer recipiente que possa conter água parada. Por fim, vale reforçar os perigos da automedicação. Nunca utilize medicamentos sem orientação de um profissional qualificado.

Caso você apresente alguma das condições citadas, procure o farmacêutico mais próximo para orientações e para o tratamento de condições menores. O médico deve ser consultado em caso de situações mais graves. Com essas dicas, aproveite o verão de forma saudável, respeitando os protocolos de isolamento social.

Olá, como podemos ajudar?