O câncer de colo do útero é uma doença de grande impacto na saúde da mulher e de grande preocupação. O rastreamento periódico é feito por citologia cervical (o tradicional exame de Papanicolau, também chamado de “preventivo”) tem se mostrado eficaz na detecção de lesões precursoras. Estudos têm demonstrado que a introdução e a realização rotineira desse exame para o rastreamento da doença levaram a um declínio na incidência e na mortalidade por câncer de colo do útero em todo o mundo. Embora esse declínio tenha ocorrido em todos os grupos étnicos e raciais, algumas diferenças foram encontradas quanto à incidência e mortalidade entre mulheres dos países menos desenvolvidos. Trabalhar para melhorar a sobrevida das mulheres afetadas por essa doença continua sendo uma das principais missões dos colaboradores, médicos e pesquisadores do Instituto Mário Penna.

Estudando o comportamento do câncer de colo do útero das pacientes atendidas na instituição, os pesquisadores do Instituto Mário Penna de Ensino, Pesquisa e Inovação, juntamente com os médicos da equipe de ginecologia oncológica, observaram que um dos maiores obstáculos para o sucesso da quimiorradioterapia é devido, em parte, à resistência à cisplatina, um dos medicamentos mais usados no tratamento da doença. Nas análises dos genes diferencialmente expressos em células não-tronco de câncer do colo de útero, eles apontaram potenciais biomarcadores envolvidos na via de morte celular que são capazes de ajudar a prever a resposta ao tratamento quimiorradioterápico, tornando o prognóstico e a decisão sobre o tipo de tratamento mais individualizado e preciso.

“Espera-se que os resultados obtidos pelo grupo de pesquisadores com esse estudo possam, em breve, fazer parte da prática clínica e apoiar os médicos no monitoramento das pacientes com câncer de colo do útero, identificando as pacientes que respondem ou não à quimiorradioterapia, para um tratamento mais adequado”; ressaltam os pesquisadores.

*Texto escrito pela Dra. Letícia da Conceição Braga, coordenadora do Laboratório de Pesquisa Translacional em Oncologia do Instituto Mário Penna.

Olá, como podemos ajudar?

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.