fbpx

O Núcleo de Estudos e Pesquisas (NEP) do Instituto Mário Penna está desenvolvendo um projeto que tem como objetivo principal entender porque algumas mulheres com cânceres de colo do útero, ovário e mama não respondem à quimioterapia e à radioterapia, adotados como protocolos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O projeto é financiado pelo Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon), que pertence ao Ministério da Saúde.

Segundo, Dra. Letícia da Conceição Braga, coordenadora de Pesquisa Básica e Translacional do Instituto Mário Penna, ao final do estudo será selecionado um conjunto de informações biológicas (biomarcadores) que possam ajudar nas decisões médicas para o tratamento mais individualizado e eficiente para cada mulher, aumentando as chances de sobrevida e proporcionando melhor qualidade e vida.

“A busca por biomarcadores de resposta ao tratamento quimioradioterápico e identificação de potenciais pacientes para novas abordagens de tratamento reforça a trajetória do Instituto Mário Penna como referência no cuidado do paciente oncológico; conclui Dra. Letícia da Conceição Braga.

Entenda como o projeto será aplicado:

 Câncer de Colo Uterino

Número de pacientes que serão selecionadas para o estudo: 96 pacientes

Pacientes com diagnóstico de malignidade: 96 pacientes

 

Câncer de Ovário

Número de pacientes que serão selecionadas para o estudo: 80 pacientes

 Pacientes com diagnóstico de malignidade: 50 pacientes

Pacientes sem sinais de malignidade: 30 pacientes de controle

 

Câncer de Mama

 Número de pacientes que serão selecionadas para o estudo: 150 pacientes

 Pacientes com diagnóstico de malignidade: 100 pacientes

Pacientes sem sinais de malignidade: 50 pacientes de controle

 

Aguarde! Em breve vamos divulgar mais ações do NEP!

Olá, como podemos ajudar?